13.6.05

On croît rêver

Em Setembro vai realizar-se na Suiça um referendo para saber se o país deve aceitar a extensão da "livre circulação de pessoas" aos novos membros da União Europeia. Os prós e os contras definem-se ao longo das linhas habituais.

Habituais? Não: os sindicatos - todos os sindicatos - são a favor da abertura das fronteiras aos "canalizadores polacos" que tanto medo provocam noutras paragens. Dizem eles que a imigração legal é o melhor meio de impedir a baixa do poder de compra e de lutar contra o trabalho clandestino.

Com sindicatos assim, até eu sou sindicalista.

PS - claro que foi o resultado de uma negociação política, entre os sindicatos e as confederações patronais. Agora falta ver quais as concessões que estas fizeram. Mas isto não anula o facto singelo que sindicatos pragmáticos são melhores do que sindicatos ideológicos.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.