22.1.07

Conselhos

Lá vais tu, outra vez, estrada abaixo. Essa estrada não leva a lado nenhum: só doentes e loucos por ela passam. Faz o que eu te digo: não vás para esse lado, não estás doente, não és louco; não vás por aí. vem por aqui, vai por ali, vai seja por onde fôr, mas não vás por aí. Faz filhos, educa-os, embebeda-te, escreve livros, constrói navios ou fica parado a vê-los, desenha sapatos, ou pontes, sopra vidro, faz papel, literal ou metafórico, caça passarinhos, cose velas, vai para o circo trabalhar de saltimbanco, guarda caça num parque natural, dá a volta ao mundo num balão, inventa receitas para crianças autistas, vai para a política, pesca esponjas no mar da China - tudo, menos o que estás a fazer.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.