18.4.10

"Quem, afinal?"

O exercício é útil e meritório. Devia era ser completado com a lista dos cronistas, jornalistas e jornais que "têm como traço distintivo a defesa cerrada, em maior ou menor grau de aquiescência, das políticas do PS e da pessoa de José Sócrates".

E depois podíamos entrar numa ERCiana e perguntarmo-nos o que vale mais - se uma primeira no DN se a crónica de Vasco Graça Moura no mesmo jornal.

Adenda: a crer no Eduardo Pitta, a lista é realmente maior do "nosso" lado da barricada. Não tenho uma visão suficientemente sinóptica da imprensa para argumentar com nomes. Em termos de suportes parece-me que a lista é favorável ao PS e ao Primeiro-Ministro: Público e Jornal de Negócios versus RTP, TSF, DN, Diário Económico. Mas o universo é reduzido, admito.

[Ao ver as duas listas que o Eduardo propõe, não consegui impedir-me de pensar que os melhores estão do nosso lado. Porque será?]

3 comentários:

  1. C. Serra17:52

    Para Luís Serpa (e também para Eduardo Pitta):

    "Um fulano bem informado é o que pensa a mesma coisa que eu!"

    ResponderEliminar
  2. Eduardo00:17

    Pode também juntar ao vosso lado alguns magistrados anónimos.

    O que é certo é que, mesmo estando os melhores do vosso lado, a avaliar pelas sondagens, não tem sido lá muito competentes.... É a vida!

    ResponderEliminar
  3. C. Serra: está completamente ao lado.

    Eduardo: é. E não me queixo. É melhor assim do que se tudo andasse como devia ser. Enfim, pelo menos para quem pode aguentar as imperfeições.

    ResponderEliminar

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.