6.5.10

Por exemplo

Por exemplo, hoje sonhei que fazíamos a barba juntos - isto é, eu a fazia e tu me ajudavas. Os pelos da barba tinham-me crescido por todo o lado, como no tipo do Providence, e nós ríamo-nos muito e eu barbeava-me e tu passavas o pincel e os pelos cresciam outra vez e nós ríamo-nos a bandeiras despregadas. Claro que isto só era possível porque comprei uma Gillette Fusion nova, e uma Gillette Fusion é a única coisa que até hoje vi que desmente o Marquês de Sade: "De todos os actos humanos é possível extrair prazer, com excepção do acto de se barbear". Acorda, Marquês, abre os olhos. Compra uma Fusion e arranja uma namorada de sonho.

Ou, outro exemplo, hoje sonhei que o meu colchão se transformava numa Kawasaki 1,000 e que andava pelas ruas embrulhado nos lençóis e nos edredons montado num colchão verde alface e contigo ao meu lado, não atrás, a dizer-me "agora para a direita; agora para a esquerda; acelera, querido, acelera" e só parámos na sala de tua casa, de onde se vê o Tejo como se lá estivéssemos dentro. E tu dizias-me "Vamos mudar o óleo". Por exemplo.

Os exemplos são mais do que milhares deles e tudo o que te envolva se presta a ser um exemplo, porque tu és o conjunto das coisas todas às quais quando juntas chamamos vida, e separadas morte.