7.11.10

A ler, absolutamente

"Manuela Ferreira Leite, outrora conhecida como a "Bruxa" em círculos sofisticados, passou perto de dois anos a alertar para a calamidade a que as políticas do Governo levariam o País. Com maníaca regularidade, a senhora previu, ou apenas constatou, que o "investimento" público era uma fraude ou uma ruína, que as medidas para a criação de emprego terminariam no aumento vertiginoso do desemprego, que o descontrolo das contas públicas se disfarçava através de falcatruas, que as promessas desvairadas e a pura mentira foram transformados nos instrumentos quase exclusivos da governação, que ao contrário de sucessivas juras a consolidação orçamental se fez à custa da receita e não da despesa, que a crise internacional se aliviaria muito antes da crise interna e que a inspiração grega ia além do nome do eng. Sócrates."

O resto está aqui.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.