6.1.11

BPN, ou: Indigência

Cavaco Silva, foi, quanto a mim, uma fraude enquanto primeiro-ministro. Isto é, entendamo-nos: foi de longe o melhor PM que Portugal teve nos últimos anos; mas mesmo assim esteve muito longe de ser um bom PM (talvez tenha sido o PM possível, mas isso é outra história). À primeira vista poderia parecer estranho que as pessoas que o atacam prefiram usar o BPN às suas falhas enquanto PM, mas não é: todos temos tendência a julgar os outros pelos nossos próprios parâmetros, e quem passou os últimos 15 anos, ou lá perto, a transformar o país num regabofe vai, claro, identificar o que lhe está próximo, o que identifica como causa. Não tendo uma única ideia para Portugal, não é capaz de criticar ideias; nada tendo feito, não sabe distinguir quem fez; tendo-se alambazado de uma forma que na maioria dos países seria passível de julgamento olha para aquilo que lhe parece familiar.

O que não consigo - e tenho tentado - compreender é como é que um partido cujo líder está envolvido nos escândalos em que este esteve; como é que o partido dos Rui Pedro Soares, de Vara, dos robalos, das chefias aumentadas retroactivamente para evitar os cortes de salário decididos pelo Governo que dele emana, da ampliação do terminal de contentores de Alcântara tem lata para criticar Cavaco Silva por causa de uma coisa cuja ilegalidade ou - é importante - ilegitimidade não resistem a dois segundos de análise.

É que não há um negócio, um, analisado pelo Tribunal de Contas que saia com uma aprovação límpida e clara; e chateiam que compra e vende acções de uma empresa, e ganha dinheiro com isso. Prefeririam talvez que o perdesse - assim estaria mais em linha com o que este grupo de incompetentes faz ao país (mas não a si próprio, verdade seja dita).

Adenda: "Ora, sabe-se, por investigação jornalística, que o cidadão Cavaco Silva e família investiram mais de trezentos mil euros em acções da entidade proprietária do BPN, tendo em pouco mais de um ano auferido lucros de 140%! Cavaco vai ter de explicar como isto foi possível." (Via Jugular)

É verdade que vai ser preciso explicar bem explicadinho. Afinal Rui Pedro Soares ganhou muito mais e investiu muito menos. Para dar um exemplo, só um. Há mais.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.