9.6.11

Eartha Kitt*



Orson Welles chamou-lhe "the most exciting woman in the world". A expressão diz dela o que seria evidente até para um marciano acabado de aterrar neste mundo; de Orson Welles, diz o essencial: o homem conseguia dizer o que toda a gente gostava de conseguir dizer. Quando as palavras não chegavam, usava gestos. Quando os gestos não chegavam, usava imagens. Ele e ela, em separado: cinema. Juntos, nunca ninguém saberá. Mas aposto que ela troçava da barriga dele.

*É uma ousadia, falar de Eartha num blogue de mar.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.