16.8.11

Serviço público - Restaurantes Lisboa

O retaurante era pequeno (meia dúzia de mesas), acolhedor, a ementa variada - pratos portugueses, italianos e indianos- e o proprietário aliciou-me a entrar com simpatia e humor.

Infelizmente é isso tudo e é também uma fraude: as lulas roçavam o incomestível, de salgadas; a conta foi inflacionada em um euro e trinta (um euro e trinta! Valerá a pena?); a televisão estava aos gritos ("não é televisão, é DVD de espectáculos", fui esclarecido).

Quando se convencerão os restauradores portugueses de que as pessoas que querem ouvir música, ou ver televisão ficam em casa, não vão comer fora?

Restaurante A Casa, rua dos Remédios 127 (Alfama). Comensal avisado passa ao largo e não se deixa tentar. Há melhores remédios.