30.11.11

Dias, felicidade

Há dias muito felizes, e há muitos dias felizes; mas não há muitos dias muito felizes.

(Há, mas não interessam a ninguém. A felicidade alheia parece, e se calhar é, monótona.)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.