28.2.12

Vida, freecell

Uma pessoa deve interessar-se por qualquer coisa, ter uma mania, uma obsessão; uma vida interessante é uma vida interessada. Eu, por exemplo interesso-me por freecell. É uma paciência que se joga no computador, para quem não sabe.

O objectivo é separar as cartas por naipes, recorrendo para isso a quatro "células livres [ou vazias, em português]", onde se guardam temporariamente as cartas que não são necessárias. Exije concentração, visão à distância, estratégia.

Um grande jogo, uma grande vida!


Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.