25.7.12

Deputados, coisas

Tome-se uma pessoa, um homem, "feito de nada como nós". Retire-se-lhe aquilo que faz de uma pessoa pessoa e de um homem homem: a coluna vertebral, os tomates. Que fica? Um deputado à Assembleia da República Portuguesa.

Seria injusto (apesar de nalguns justificado) dar-lhe um nome: talvez não sejam todos, mas quase todos são assim.