16.3.13

Algumas considerações avulsas sobre abutres

Um abutre é uma ave que tem uma concepção muito limitada da vida.

Há muitos anos um senhor chamado Griffith teve uma intuição genial: " se eu cortar um abutre às rodelas fico sem abutre, mas ganho uma história".

Le français étant une langue sophistiquée il faut que je commence à l'inclure dans ces textes-couillonnades (couillonades est un mot composé: couilles = tomates, nades = riens. Ou seja, textos sem tomates).

Foi de resto ainsi que les sandes de chouriço nasceram: o abutre ouviu falar da genial intuição do outro e pôs-se na alheta; sem pássaro, Griffith s'est débrouillé avec un chouriço (en français chorizo).

Um abutre, em francês vautour (vau = vou, tour = volta. Ou seja, um abutre é uma ave que vai dar uma volta) c'est un grand oiseau noir qui parfois nous chauffe les rêves, parfois nous les mange. Totalement chauve, on le reconnaît facilement: il sent la mort, essence de vie.

Um abutre embalsamado numa sala de estar é um objecto que alegra o ambiente, torna-o mais leve, cristalino.

A bebida favorita dos abutres vivos é o café; quando mortos preferem o rum punch, uma mistura de rum, sumo de ananás, sumo de laranja e bitter Angostura, polvilhada com noz moscada.

Je vais faire un tour sur le dos  de mon pote le vautour, on va passer à travers les nuages de suie, on va nager ensemble sous la pluie. Au retour l'on sera noirs, noirs.

A pessoa que iniciou os abutres à revolução sexual chama-se Wilhelm Reich. Foi preso por isso. Morreu quando um abutre o foi buscar à prisão e bateu com ele repetida, voluntária e violentamente contra a torre do relógio da nossa cidade. Raoul Vaneigem escreveu o epitáfio. "La symphonie des cris et des paroles offre au décor des rues une dimension mouvante", começava. "Là où il n'est pas accepté, le désespoir tend le plus souvent à n'être plus perceptible". (Os abutres são o melhor inimigo do desespero).

Amer quer dizer há mar perto (a ausência de abutres nesta frase revela a genial vastidão da litote, da ausência e dos abutres eux-mêmes).