5.4.15

Diário de Bordos - Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil, 04-04-2015

Comprei a revista Piauí para ler na camionete. E uma edição bilingue de Keats. Ode à Melancolia. O título pareceu-me adequado, o preço justo e o facto de eu não ser grande fã de poesia romântica despiciendo.

Na Piauí - uma grande revista, seja onde for - li uma crítica de um autor brasileiro chamado Sérgio Sant'anna. Nunca o tinha lido, e à chegada comprei uma obra dele. Chama-se Homem-Mulher. É um livro de contos, dos quais ainda só li o primeiro.

Abençoada Piauí.

.........
Fui jantar com E., uma jovem pediatra que conheci em S. Luís. É bonita e inteligente e faz esforços enormes para se libertar das pressões todas que fizeram dela o que é.

Espero que consiga. Não há prisão que mereça tanta beleza e tanta inteligência embrulhadas em tanta simpatia.

........
Estou a ficar farto de hostels. Em S. Paulo fiquei num que era mau mas estava vazio; o de Paraty estava cheio, mas era assim assim. Este é péssimo e está a abarrotar.

Gosto de jovens e da juventude, mas esta convivência é um bocadinho exagerada. Para não falar da falta de conforto, claro. Felizmente passei bastante tempo a bordo de barcos de regata, coisa que habilita um gajo a praticamente tudo. Nos hostels pelo menos estou seco, as coisas não mexem e se houver uma avaria não tenho de a reparar.

........
Fui acompanhar E. a casa e no regresso parei num bar para escrever e beber uma caipirinha, duas coisas que não faço desde antes do jantar.

Só depois de entrar reparei que sou o único homem, e mesmo assim foi preciso ver duas gajas aos beijos.

É assustador, mais do que qualquer bar de maricas onde tenha estado. A coisa mais próxima que conheço (ou conheci, neste caso) foi o café de surdos-mudos que antigamente havia em Lisboa, na rua do Arsenal.

E agora, para compor o ramalhete, começa uma cena de porrada entre duas das senhoras. Não percebo a causa, mas juro que não me vou intrometer.

........
PS - As senhoras contiveram-se. Ficaram pelas invectivas. Acho bem. Uma delas tem os cabelos demasiado curtos para serem puxados.