16.4.16

Descansa, super-homem

Esta necessidade de descanso tem que se lhe diga.

Um gajo já sabia que não é o super-homem (desde o fim da adolescência, uma vez percebido e digerido Zaratrusta). Depois vai passando por várias fases - não sou mas um dia serei; não sou mas vou tentar chegar o mais perto possível; etc. - e de repente dá por ele numa marina perdida da América Central, à entrada do canal do Panamá a pensar "olha a sorte que tive em não ser o super-homem".