28.3.18

Diário de Bordos - Palma de Mallorca, Baleares, Espanha, 28-03-2018

Toda a gente sabe que os marinheiros não morrem. Retiram-se primeiro e dissolvem-se depois (a menos que seja ao contrário).

Há dois sítios no mundo (na parte dele que eu conheço) que foram inventados por Deus para acolher marinheiros em retirada: Bequia e Palma de Mallorca.

É muito difícil explicar porquê. Muitos foram os que tentaram mas ninguém -que eu saiba - conseguiu até hoje explicar o que faz dessas duas "cidades" (entre aspas porque Bequia não é uma cidade; fica algures entre um lugar e uma aldeia) um lugar de retiro para marinheiros cansados.

Impus-me uma missão: incluir Mértola nessa lista de lugares mágicos, lugares de transição para marinheiros desviados.

.........
Tem a ver - parcialmente - com a qualidade da melancolia. Em Bequia como em Palma a melancolia é mais densa, mais atractiva, bonita. Mértola também tem essa qualidade: transforma melancolias.

........
Conversa apaixonante na Sifoneria. O presidente da Câmara de Palma acedeu a uma reunião com estrangeiros residentes e locais para que todos possam expor o seu ponto de vista (os preços do imobiliário em Palma dispararam para níveis estratosféricos).

Alguém consegue fazer chegar uma mensagem a Fernando Medina?