25.4.10

Inês de M., et al.

Não sei o que me desgosta mais: se a esquerda antiga, enjoativa guardiã da moral pública; se a nova, descarada beneficiadora (e promotora) do vê-se-te-avias em que a vida nacional está transformada.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.