18.1.14

Mudança, imanência

Mudar é bom, claro; tem boa imprensa, pelo menos. Mas muito mais importante é aquilo em nós que não muda. É isso que nos define.