31.12.14

Definição

A banalidade é uma câmara-de-ar que é preciso furar todos os dias, infelizmente.