23.3.15

Felicidade, cansaços

O único inconveniente da felicidade é ser tão cansativa. Quando um gajo está triste só se preocupa com uma coisa de cada vez - regra geral ele próprio, mas também pode ser sei lá, o trabalho, a solidão ou a cor cinzenta do céu num dia de chuva -.

Quando se é feliz é preciso lidar com tudo ao mesmo tempo: os outros, nós, o passado, o futuro e o presente, o vento e o sol e o mar, a vida, o trabalho e essa solidão que lentamente se afasta, se desvanece como uma nuvem de areia no deserto.

(Para a Margarida, com um beijo; e para a Lúcia, com um número infinito deles).