18.8.15

Desconfiança

Devemos desconfiar mais do óbvio do que do desconhecido.