22.9.15

Auto-quase-retrato

Viajante clandestino no comboio do acaso fui mais vezes apanhado pela sorte do que pelo azar, os seus dois revisores.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.