25.6.16

Carcaça

Não deixar que descanso seja tomado por abandonar a luta. A doença, essa puta oportunista tem de sentir que há uma resistência do outro lado, que o terreno não é todo dela. Por muito infantil que pareça, acreditar na vontade. Não se deixar ir.

A carcaça agradece.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.