24.1.18

Viver, morrer

"I too must have lived, once, out there, and there is no recovering from that." (Samuel Beckett)

Nunca recuperamos de ter vivido. Nem de ter morrido, aliás. São duas experiências muito semelhantes.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.