19.6.04

Lubris e Demagogia; ou I wish you were here

- Vamos para casa, querida, é hora de ponta.
- Para ti é sempre hora de ponta!
- Graças a ti, meu amor, graças a ti.

- És um pau mandado.
- Muito bem mandado, meu amor.
- E muito obediente, é verdade.

- Ando com uma líbido de tísico.
- E eu estou num período de sorte.

- Querido, está na hora da minha injecção de vitamina aaahhh.
- Então vamos para casa preparar a agulha.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.