5.10.13

Memórias, Palma de Mallorca

Uma vez escrevi aqui qualquer coisa sobre o Guincho (está aqui) e o facto de lhe preferir o cheiro ao da Córsega, apesar de serem muito semelhantes - a Córsega não tem a carga de memórias que o Guincho tem para mim, e entre um cheiro com passado, presente e futuro e outro só com presente eu prefiro o primeiro.

Vai ser interessante pôr esta teoria à prova quando em breve estiver em Palma, sozinho e for comer ao Lizarran ou à 5ª Puñeta, comprar vinho à Sifoneria, ouvir música na rua, cozinhar frango recheado com sobreasada. A minha aposta é que a teoria se vai revelar verdadeira, e vou amar voltar a Palma.