19.2.14

Diário de Bordos - Cartagena de Índias, Colômbia, 19-02-2014

A roda gira; e é gira, de tanto girar e tão depressa. Ontem tínhamos clientes. Depois não tínhamos; depois tivemos um contacto. Hoje temos quatro clientes já confirmados - no sentido clássico do termo - dos quais dois são para Cuba. Tenho, Allah uAqbar, uma razão fortíssima para ir a Havana. Finalmente.

Enfim, fortíssima é uma maneira de dizer: o que eles podem pagar não é muito. Mas ganhei um site em troca. E contas feitas é honorável, não tenho de me envergonhar: entre o que pagam em dinheiro e em trabalho fico em casa.

De maneira amanhã largamos, bote cheio e vento de popa, para San Blas, onde desembarcam estes e embarcam outros passageiros. Eu sigo para Bocas por vias terrestres, com o M. e a C.

E o HELENA S. fica nas mãos jovens mas competentes do Luka e da Danielle. Fica bem entregue.

........
E eu lá vou fechar a porta do Artie, que me trouxe e eu trouxe de San Francisco, uma viagem pela costa do Pacífico e, sobretudo, pelas costas dos meus limites, pelos fundos da tristeza e da depressão, uma viagem que acaba - como todas - por ser importante, significativa, maravilhosa e inesquecível.

O importante numa viagem é a que fazemos em nós próprios. Claro que ver golfinhos e tartarugas e baleias e mantas todos os dias, ver a Isla de Guadeloupe - um pedaço de lua habitado por milhares de focas e meia dúzia de soldados - e beber Margueritas em Puerto Vallarta e navegar no Golfito e conhecer o Parque Nacional Manuel António ajuda. Mas não é de maneira nenhuma o essencial.

........
Afinal o restaurante Plaza de Trinidade não aceitou o meu passaporte como pagamento. Z., a adorável proprietária disse-me que não precisava dele para nada. Hoje fui lá almoçar, claro. Não é por acaso que ela começou há vinte e três anos com um carrinho na rua a vender empanadas e hoje tem pelo menos um restaurante; do qual a tripulação do HELENA S. é cliente feliz e assídua.

........
Cartagena é uma cidade encantadora, mas. Preciso de voltar para o mar. E não digo mar até San Blas. Digo mar até Havana. Mar até Palma. Mar.