6.11.14

Amizades

Há imensos anos que abandonei o negócio de fazer amigos.  Ainda bem, de resto: perco mais do que faço e se tivesse insistido teria esse negócio o destino dos outros que iniciei e não deixei a tempo.

Por vezes encontro pessoas que gostava de conhecer. São cada vez menos, feĺizmente. E cada vez melhores.

E ainda há quem não goste de envelhecer.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.