30.1.17

Perhaps

Esqueci-me de tudo o que queria escrever! Era tanta coisa... Lembro-me de que queria falar da cervejaria Martins, um (mais ou menos justificado) monumento local. Mais porque a alheira foi provavelmente a melhor da minha vida, menos porque as batatas fritas estavam para baixo do assim. Mais porque me estou nas tintas para as batatas fritas, mais porque adorei o lugar, mais porque quando voltar a Guimarães (não é se. É quando) vou lá direito.

Queria falar também de não sei quê mais. É fodido, não é? Aquelas frases todas que iam revolucionar o mundo e que se desvanecem sem mais nem porquê... Olha, mundo, amanha-te. Eu bebo Bailey's, oiço distraído conversas de merda (enfim, de futebol, parece que um clube perto daqui ganhou qualquer coisa) à minha esquerda, vejo um casal seduzir-se à direita e penso em quão seduzido saio desta cidade.

Um gajo seduzido não pensa se não em vingar-se, não é? É, provavelmente (falta aqui aquele maravilhoso termo inglês: perhaps).