14.7.05

Certeza II

Por baixo dos lençóis espreita um joelho. Há pouco utilizaste-o para me percorrer o ventre, as coxas. Também me lembro dos trajectos que na tua pele desenhei. Às vezes, pergunto-me se a melhor parte do amor não será o pequeno almoço a dois. Não é.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.