4.5.10

O poder e a assimetria

Alguém me devia explicar por que razão podem os funcionários públicos estragar a vida a uma pessoa; fazer-lhe exigências absurdas; levar o tempo que muito bem querem e lhes apetece a responder; em suma, agir como pequenos ditadores, e não podem os administrados perder a cabeça.

O problema, claro, é esse mesmo: a relação dos portugueses com a autoridade. Nunca há, no nosso país, uma relação de igual para igual com a autoridade - seja ela confrontadora, como nos países anglo-saxónicos; ou consensual, como nos países nórdicos. Em Portugal a relação com a autoridade é assimétrica - e a autoridade aproveita-se disso, claro. O poder é como o ar: ocupa todo o espaço que tem à disposição.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.