16.10.16

Perdão

"Sei que estou perdoado
Mas não sei como soube".

L. Cohen, um senhor a quem o Nobel fez o favor de poupar. (A tradução é minha, mas penso não estar muito longe do sentido).

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.