19.7.09

Vizinhança

No outro dia bateram-me à porta. Era a vizinha, a pedir-me para pôr a música mais baixo. Disse-lhe:
- Entre.
- Não posso. Tenho o namorado em casa.
- Diga-lhe para se ir embora. Diga-lhe que encontrou o homem da sua vida. Melhor: que encontrou a sua vida num homem, e que esse homem sou eu.
Ela entrou, despiu-se, pôs-se na cama.
- Diga-lhe você. E despache-se.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.