26.10.19

Frio

A solução para o frio é simples: entrar por ele dentro antes que seja ele ele fazer o mesmo em nós. Ser o primeiro. Pressentir que é uma guerra que não conseguiremos ganhar e recuar.  Isto é: entrar no frio às arrecuas, de marcha a ré, prescrutando no horizonte as inexistentes escapatórias.

Verdade seja dita: o frio limpa a cidade, torna-a mais leve e mais clara. Isso é inegável. Até as burras andam nais ligeiras, nestas ruas agora "quase desertas".

Isso faz-te precisar da Martinique, não faz?

Faz.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não prometo responder a todos os comentários, mas prometo que fico grato por todos.